Contagem regressiva

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

CHÁ CULTURAL DIA 20.02, NA AEPTI

Chá cultural, com direito a comemoração do 
aniversário  do Sr. Perocco.
Amizade, cultura e confraternização é tudo de bom.


terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

INSCRIÇÕES PARA ANTOLOGIA 2016

LOCAL: AEPTI - Associação dos Escritores, Poetas e Trovadores de Itatiba.
Rua Antonio Ferraz Costa s/n - Vila Santa Cruz - Itatiba
CEP.: 13251-460 - Fone 9918.20353
PERÍODO: Do dia 20.02 a 12.03
Segundas, quartas e quintas das 13:00 às 17:00 hs.
Sábados dias: 27, 05 e 12, das 9:00 às 13:00 hs

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

CHÁ CULTURAL DE FEVEREIRO

Convidamos a todos para o CHÁ CULTURAL da AEPTI!

Dia 20 de fevereiro de 2016 às 15h.

No SOLAR DO FERRAZ COSTA

Rua Antonio Ferraz Costa s/nº- Santa Cruz

Contamos com sua importante presença!

Atenciosamente,

A direção!

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

CONCURSO DESPERTE O POETA QUE EXISTE EM VOCÊ – Associação dos Aposentados de Jundiaí e Região.

TEXTOS CLASSIFICADOS, DOS ASSOCIADOS DA AEPTI :
Maria José Federighi Nigoski, Neide Maria Gotardo Nallin ,
Ney Crevilare  e  Rosa Maria Sangiorgi

  •        MARIA JOSÉ FEDERIGHI NIGOSKI
Sem Adeus

Foi sem adeus
A nossa despedida.
Foi sem adeus
E eu não vi tua partida.

Perguntas ficaram no ar
Sufocando meu coração,
Quisera saber os porquês
Dessa tua decisão.

O tempo parou para mim
Naquele dia tristonho,
Sem saber eu te perdia
Quem dera tivesse sido um sonho.

Hoje ainda a saudade
Insiste em me perturbar
Se ao menos te esquecesse
Poderia de novo tentar.

Eu caminhei pela vida
Sem saber que rumo tomar,
Teu desprezo me deixou perdida
Meu pecado foi te amar.

NEIDE MARIA GOTARDO  NALLIN
Desapego
Desapegue-se daquilo que está sentindo,
Das tristezas que restaram,
Dos problemas que estão lhe consumindo,
Das dores que lhe sobraram.
Desapegue-se do amor não correspondido,
Dos sentimentos interrompidos,
Dos desejos não acontecidos,
Das conquistas perdidas.
Desapegue-se do não realizado,
Dos sonhos suprimidos,
Das metas não alcançadas.
Das promessas não cumpridas,
Desapegue-se dos maus momentos,
Agradeça as coisas boas,
Ponha no rosto um sorriso transparente,
De cabeça erguida siga em frente.
Desapegue-se do passado,
Viva hoje feliz e contente,
Planeje devagar o futuro,
Pois a vida  é um presente.
Dia a dia ela é uma continuação,
Num  minuto ela se vai,
Cada momento é uma satisfação,
Pois a vida é curta demais.


NEY CREVILARE
Tantos versos
Tantos versos
Que fiz
A não sei quem
Tenho medo
Que não venham
A ser de ninguém
Se eu mesmo
Não sei de onde
Esse amor vem
Que eu possa
Pelo menos
Dedicá-los
A seja lá quem for
Que me queira bem


ROSA MARIA FERRAZ SAGIORGI
O pássaro e o Poeta
Foi criação do Senhor
A existência real
Do pássaro multicor.
Mas Deus quis se divertir
E muitos deles pintou
Com apenas uma cor.
Deu-lhes, para nosso bem,
A virtude de encantar
Não somente com seu canto
Mas com a beleza também.
Veja bem a semelhança
Entre o trino irregular
Da ave que nos enleva
E a musa do poeta
Que busca, incansavelmente.
Uma rima condizente
Ao que na alma ele sente.
Ouve no céu a harmonia
Que o pássaro, sozinho,
Sem ajuda de ninguém,
Não se cansa de ofertar.
E o poeta, persistente,
Na busca do dia a dia,
Solução para sua alma
Com certeza vai achar!